sarau de aniversário

sarau de aniversário

sábado, 6 de fevereiro de 2016

Um Amor - Lin Quintino






Um Amor
O que cabe, em um amor
senão amar
amar sem a pretensão
de posse.
Um amor
sem laços, somente,
com brilho nos olhos,
com saudades e distâncias.
Um amor além das mãos,
do tempo, 
um amor pra se guardar, 
pra sempre.
Um sentimento solitário
escondido no abismo dos olhos
que pertença, 
mas sem pertencimento,
e que se possa visitá-lo, sempre.
Um amor sem compromisso,
sem hora marcada,
um amor sem dono,
sem partilha, 
sem prazo de validade.
Mas, que seja um amor pra se guardar
e pra reviver todas, às vezes, 
que se aflorarem lágrimas de saudade, nos olhos.


Lin Quintino
Lin Quintino