convite sarau de agosto

convite sarau de agosto

domingo, 15 de dezembro de 1996

Poetas

MARIA de LOURDES de S.C. BADARÓ                              ARLINDO  BORBA de OLIVEIRA

                       C H U V A                                                              DE CORAÇÃO A CORAÇÃO

       Lá fora a chuva canta uma canção                                                   O coração solitário
       Em ritmo suave de acalanto...                                                          que encontrei por acaso
       Dentro de mim, o tédio, a solidão                                                     tem aquecido o meu
       E a saudade pungente que dói tanto !                                               em compassos de Bach;
                                                                                                              e eu choro e deploro
       Angustiada eu escuto o coração                                                       porque o tenho ao meu lado,
       Batendo o meu cansaço e desencanto,                                             pela beleza de sua música
       Querendo as mágoas afogar em vão,                                               e porque não posso amá-lo !
       Nas águas copiosas do meu pranto                                                  .......................................
                                                                                                             Agora, como sempre,
       E a chuva continua, persistente,                                                       o humano paradoxo !
       A escorregar as gotas na vidraça,
       Peneirando tristezas mansamente...

       Que bom se ela levasse o meu tormento,
       Na enxurrada veloz que agora passa,
       Para o almejado mar do esquecimento !

Nenhum comentário:

Postar um comentário