sarau de aniversário

sarau de aniversário

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

REUNIÃO de FEVEREIRO - ROSANA M. CAPPI

ROSANA  MONTERO  CAPPI

REFÉM  DE  MIM

Afinal, quem manda em mim ?
Quem é meu verdadeiro dono enfim ?
Sou refém das obrigações
Refém dos apegos
Refém das próprias ações
Refém dos meus medos
Refém da cobiça
Sequestrada pelos desejos egoístas
Refém da matéria
Que pode entopir minha artéria
Prisioneira do falso eu
Qual será o destino meu ?

3 comentários:

  1. Rosana:

    Encanto-me com uma poesia quando ela entra em minha alma como se fosse de minha autoria, porque é exatamente assim que penso. Sinto-me refém de tudo o que você colocou em versos e de muitas outras situações.
    IDENTIFIQUEI-ME!

    ResponderExcluir
  2. Rosana:

    Apropriada essa sua inspiração. Sempre me senti refém. Quando li me identifiquei.
    Rubem Alves diz: Acho que essa é uma das características da poesia - a gente tem certeza de que ama a poesia quando diz:" EU PODERIA TER ESCRITO ISSO, ISSO É PARTE DA MINHA CARNE." Foi o que senti. Ao lê-la, me surpreendi no mesmo sentimento.

    ResponderExcluir
  3. Rosana: Pela terceira vez estou tentando deixar um comentário nessa sua poesia que me encantou!
    Senti sua poesia em mim! Você escreveu tudo o que sinto!
    Parabéns!

    ResponderExcluir