convite sarau de agosto

convite sarau de agosto

quarta-feira, 6 de julho de 2011

REUNIÃO DE JUNHO - REGINA

Insônia

A noite turva canta uma canção.
Só consegue ouvir quem
Não tem medo da solidão.

Aqui, o sono foge de repente,
sem pedir permissão.
Não me importo; essa quietude
faz bem e alivia a tensão.

Olho para o céu escuro,
Com profunda admiração.
Minha diversão é olhar as estrelas,
Minhas companheiras de solidão.

Elas dizem que terei a paz que procuro,
Que jamais, devo temer a escuridão.
E que irão me acalentar, enquanto
O Sol não chegar.

É tudo magia e calmaria.
Deixo-me levar pela nostalgia.
Deito-me no gramado úmido.
Sinto a brisa fresca me acariciar.

Estou segura, vazia.
Não penso em nada.
Não desejo nada,
Nem mesmo o raiar do Dia.

Regina Gois

2 comentários:

  1. Boa tarde Regina!

    Amei ler teu poema,é bem o estilo que amo,suave,doce e num encontro com a natureza tudo se torna mágico e contagiante!
    Parabéns querida ,amei!
    Abraços carinhosos!

    Rosa D Saron

    ResponderExcluir
  2. Olá querida poeta!
    Parabéns pela poesia!

    ResponderExcluir