sarau de aniversário

sarau de aniversário

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Carnaval - Eunice Rodrigues de Pontes



Carnaval, reina o samba geral,
alegria de todo esse povo,
mas quem roubou meu povo?
Carnaval, festival dos festivais;
alegria geral; quem foi para Portugal?

O samba toma conta de toda essa gente,
que não sente tristeza, dor nem raiva.
Fica tudo esquecido, no guardado, para
voltar na quarta-feira de cinzas e ficar
durante o ano todo, num ritmo compassado...

Nesses quatro dias de folia o delírio é geral,
todo o amargor se esvai e a revolta, não volta.
Não há fome, não há dor, somente muita cor.
Não há tristeza, somente muita beleza, máscaras
e fantasias mil a desfilar num ritmo cadente.

Carnaval, povo festivo a pular; rei momo a reinar.
Baianas, porta-estandarte, toda cheia de arte, lá vai
ela, na passarela. Passa a escola de samba com
seus foliões e a rua, tão nua sob a lua, é solitária
testemunha daquele que inadvertidamente,
bamboleia nas cordas estriradas de sua própria vida.
 

                                                       Eunice R. de Pontes

2 comentários:

  1. Querida Rosana,
    Muito obrigada pela sua gentileza de sempre e pela postagem de meu poema. mais uma vez, meus sinceros parabéns pela sua dedicação e belo trabalho em prol dos poetas.
    Um grande abraço
    Eunice

    ResponderExcluir
  2. Querida amiga poetisa Eunice
    O que seria deste blog, sem os poetas e suas poesias?
    Eu é que agradeço por colaborar enviando seus poemas inspiradores.
    Parabéns!
    Beijão

    ResponderExcluir