sarau de aniversário

sarau de aniversário

quinta-feira, 17 de agosto de 2000

AGOSTO - 2000

CAMILO  GUIMARÃES

A  CIDADEZINHA

Faz tanto tempo, que nem sei o certo,
Que deixei a cidade pequenina,
Botão de rosa, preso a uma colina,
O mundo ao longe, mas o céu tão perto.
      Nas manhãs puras, era uma menina
      Colhendo beijos pelo campo aberto,
      Pondo ilusões de amor, no tempo incerto,
      Olhos cheios de cromos de neblina.
Seus dias calmos de um viver risonho
Tinham risos de luz, cravos de sonho,
Gorjeios de sorrisos de bondade.
      Guardei-a, comovido, na lembrança,
      Como gota de orvalho, ainda criança,
      Brincando na emoção de uma saudade.






ENID  M.  BESTETI  PIRES
NAMORANDO  UMA  ESTRELA

Estrela tão bela,
precioso diamante,
és na passarela
da noite, triunfante.
      Já que és sentinela
      do infinito miramte,
      qual fada-donzela,
      tu velas o amante.
Se a um sonho de amor
dás todo esplendor
com teu cintilar,
      és toda poesia,
      fiel companhia
      do amante, sem par.

Nenhum comentário:

Postar um comentário