convite sarau de agosto

convite sarau de agosto

sábado, 17 de setembro de 2016

Sentimento Indecifrável


Não se trata de nostalgia
Nem falta de alegria
É uma estranha sensação
Espécie de emoção
Um arrebatamento
Inédito sentimento
É como estar num ambiente
E sentir-se ausente
Divagando sobre esquecidas lembranças
Com certa constância
Buscando na memória
Circunstâncias de minha  história
Passadas num local inusitado 
Aonde meu espírito possa ter habitado 
Lá, no vazio do infinito
Não existe qualquer conflito
Só a suprema paz.
Mas longa é a jornada
E enquanto sigo a luz apontada
Que me levará de volta ao início da estrada 
Minha alma vai sentindo saudade sem fim   
Do lugar de onde eu vim 
Sente saudade de mim.

Rosana Montero Cappi 



6 comentários:

  1. Isso deve ser saudade do céu.
    Lindo poema.
    Quem saudade do Céu não sente, infeliz vive na Terra.

    ResponderExcluir
  2. Belo poema, Rosana.
    Parece expressar saudade do Céu.
    Quem saudade do céu não sente, infeliz vive na terra.

    ResponderExcluir
  3. Boa noite a todos os poetas da casa de campinas!! gostaria de uma ajuda,uma orientação um apoio para publicar um livro!! não sou poeta! mas tenho muitas poesias talvez 100,200 ou mais... e gostaria que não ficasse na gaveta!! Alguém poderia me ajudar??? abraços a todos.

    ResponderExcluir
  4. MEU CONTATO DE EMAIL... dbarrosmaciel@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá caro Projetor DCP. Uma forma de publicar seus poemas é participando de coletâneas junto a outros autores, ou publicando um livro com seus poemas por exemplo em sites de editoras com venda de livros pela internet e por demanda. Procure no site www.agbook.com.br. Lá tem todas as orientações.
      Eu por exemplo já publiquei dois livros pela Agbook, o romance Cerimônia do Chá e um de poemas Diário Poético de Viagem, que você encontra no site.

      Abraços

      Rosana Montero Cappi - editora deste blog

      Excluir
    2. Obrigado!! D Rosana, pela dica....vou correr atrás, abraços

      Excluir